Como a maternidade pode garantir a cidadania italiana

Vick é filha de mãe italiana e pai brasileiro. Residente em São Paulo, Vick só conhece as terras brasileiras, sem nunca ter nem pisado em território italiano e nem conhecido a outra parte que compõe a sua origem.

Agora maior de idade e cheia de vontade para viver, Vick não vê a hora de começar uma nova etapa em sua vida: se mudar para a Itália e começar a viver lá. Com um sonho na cabeça e força de vontade nas mãos, ela busca meios de conseguir agilizar tudo isso.

O que Vick ainda não sabe é que a sua cidadania italiana pode ser facilmente conquistada pela via materna. Mas como isso funciona? É isso que veremos aqui hoje.

Afinal, o que é a cidadania italiana?

A cidadania italiana é o direito de ter a nacionalidade italiana e todos os direitos e deveres que a acompanham. É possível obter esse direito de várias maneiras, como por meio de herança, casamento ou residência, além da maternidade.

A conquista da cidadania italiana oferece aos cidadãos acesso a vários benefícios, como a possibilidade de trabalhar e viver livremente na Itália, votar nas eleições italianas e ter acesso a serviços de saúde e educação gratuitos, oficializando sua vida por lá.

Ainda, a cidadania italiana também proporciona acesso a vários benefícios em outros países da União Europeia, como a possibilidade de viajar livremente. Assim, você garante a possibilidade de transitar em outras partes do mundo com passe livre.

Por essas e outras, a cidadania italiana é uma das mais desejadas do mundo. Além do básico proporcionado, a forma para conquistar esse direito está cada vez mais simples, como por meio da maternidade. Mas como isso é possível?

Como a maternidade pode ajudar a garantir a cidadania italiana?

A maternidade é uma das formas mais antigas de garantir a cidadania italiana. Desde o século XIX, a Itália tem adotado essa possibilidade como meio de garantir aos cidadãos o direito de conquistarem a cidadania italiana via materna.

A lei italiana estabelece que qualquer criança nascida de pais italianos é automaticamente considerada cidadã no país. Isso é fácil de identificar, afinal, envolve o critério sanguíneo de naturalidade, padrão na maior parte dos países.

Mas, além desse padrão, a lei italiana estabelece que qualquer criança nascida de pais estrangeiros, desde que um deles seja cidadão italiano, também será considerada cidadã no país e digna de conquistar todos os direitos a ela inerentes.

Assim, a cidadania italiana via materna fica fácil de ser compreendida. Basta olhar o caso da Vick do nosso exemplo. Se no seu caso, a ascendência italiana vem por parte da mãe, a sua cidadania italiana será conquistada pela via materna.

Nesse sentido, a maternidade atua diretamente no processo e ajuda a garantir a cidadania italiana para aqueles que não nasceram na Itália. Se o parente italiano for uma mãe, ela pode ajudar a garantir a cidadania italiana para o estrangeiro.

Essas possibilidades ampliam os meios para conquistar a cidadania italiana e deixa o processo muito mais simples, afinal, o critério sanguíneo amplia as suas chances e garante que com a comprovação certa, seu sonho se torne possível!

Como funciona o processo de aplicação da cidadania italiana via materna?

Se você, assim como Vick, é descendente de mãe italiana, pode se qualificar para obter a cidadania italiana via materna. O processo de aplicação para a obter essa conquista pode ser complicado, mas é possível com a orientação e o suporte certo.

O primeiro passo para obter a cidadania italiana via materna é encontrar documentos que comprovem a sua ascendência italiana. Certidões de nascimento, casamento, óbito, documentos de imigração, tudo que comprove a sua ligação com a Itália.

Depois de reunir todos os documentos necessários, você precisará preencher um formulário de aplicação para a cidadania italiana. Esse formulário deve ser preenchido em italiano e deve conter informações detalhadas sobre a sua ascendência italiana.

Uma vez que o formulário de aplicação for preenchido, você precisará enviá-lo para o Consulado Italiano mais próximo. O Consulado verificará os documentos apresentados, a veracidade e, se tudo estiver em ordem, emitirá um certificado de cidadania italiana.

Depois de ter o seu certificado em mãos, você pode usá-lo para obter documentos de identidade italianos, como passaportes e carteiras de motorista. Você também pode usar o certificado para obter direitos, como acesso a serviços de saúde e educação gratuitos.

Cidadania Italiana com Letícia Portela: a fonte certa para conquistar o seu objetivo!

Conquistar a cidadania italiana via materna é uma das melhores possibilidades de realizar seu sonho. Ao identificar e reconhecer a sua ascendência italiana, basta iniciar o processo de solicitação e garantir que em pouco tempo, seu objetivo será alcançado.

Todavia, esse processo é burocrático e precisa da orientação e acompanhamento necessário para evitar quaisquer erros e devolução do pedido solicitado. Mas fique tranquilo, pois com a Dra. Letícia Portela, tudo fica mais simples e rápido!

Advogada especialista em direito internacional, Letícia Portela atua diretamente com a conquista da cidadania italiana de seus clientes, acompanhando todo o processo e orientando desde a reunião dos documentos, organização e emissão do certificado.

Diferente de plataformas como a Cidadania4u e a Rotunno Cidadania, que atuam de forma robotizada, sem personalização de cada caso, demora para dar um retorno e burocracia para cumprir os passos, a Dra. Letícia garante celeridade e dedicação.

Entre em contato com a equipe agora mesmo e dê os primeiros passos para conquistar a sua cidadania italiana via materna!

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on linkedin
LinkedIn
Letícia Portela

Letícia Portela

Advogada

Deixe seu comentário

Nossas redes sociais

Você pode gostar também

Assine nossa Newsletter

Sem spam, notificações apenas sobre novos produtos, atualizações e muito mais!

Postagens relacionadas