Aprenda como conseguir sua cidadania Italiana presencialmente

Está ansioso para iniciar seu percurso rumo à cidadania direto na Itália o mais cedo possível? 

Aplicar para a cidadania italiana por meio de ascendência pode ser uma das formas mais rápidas de se atingir esse objetivo. Contudo, em muitos consulados ao redor do mundo, o tempo de espera para a primeira consulta pode ser de vários meses

Por outro lado, um dos principais benefícios de se candidatar à cidadania direto na Itália é que o processo pode ser concluído com maior rapidez. Frequentemente, as pessoas que optam por se inscrever na Itália já planejam residir ou desejam explorar o país em uma estadia permanente.

Quer entender mais sobre esse assunto? Então, continue a leitura!

Entendendo o Processo de Cidadania Direta na Itália 

Obter a cidadania direto na Itália pode ser possível através de vários tipos de vistos. 

Os cidadãos estrangeiros de países não pertencentes à UE podem solicitar vários tipos de vistos e aguardar o período de tempo necessário até que lhes seja concedida a residência permanente seguida de cidadania. 

Além dos vistos de turista, qualquer outro tipo de autorização de residência, de curta ou longa duração, pode ser uma boa forma de obter a cidadania italiana. 

Nesse sentido, um dos maiores benefícios de imigrar para a Itália é que até mesmo os vistos de estudante podem ser convertidos em autorizações de trabalho, o que permite aos imigrantes aumentar suas chances de obter passaportes italianos, desde que desejem morar por lá permanentemente. 

Depois de se tornar residente formal de uma cidade italiana, você pode solicitar oficialmente a cidadania através do escritório de cidadania, que, geralmente, fica localizado na prefeitura da cidade.

Neste momento você terá que apresentar todos os documentos que comprovam o seu pedido de cidadania e dar tempo ao funcionário para avaliar o seu caso. 

O funcionário revisará cuidadosamente todos os seus documentos e trabalhará com os consulados no exterior que têm jurisdição sobre os locais de origem dos documentos para verificar se você ou algum de seus ascendentes já renunciou à cidadania italiana (essa parte do processo geralmente é mais uma formalidade).

Aqui, vale ressaltar que é necessário solicitar uma autorização de residência específica com base na dupla cidadania. 

Isso se deve ao fato de que, na maioria dos casos, o processo leva mais de 90 dias, que é o período de tempo que um cidadão não europeu pode permanecer na Europa.

Documentação necessária para o processo de cidadania direta na Itália 

Como você já deve ter notado, a cidadania italiana é um processo que pode ser obtido por meio de linhas de sangue ou por naturalização. 

Para obter a cidadania italiana por linhas de sangue, é necessário provar que você tem um ancestral italiano direto. 

Para obter a cidadania italiana por naturalização, é preciso viver na Itália por um período de tempo específico e cumprir outros requisitos. É disso que se trata este artigo.

Seja qual for a situação, documentos comprobatórios serão requeridos. Os mais comuns e necessários para solicitar a cidadania direto na Itália incluem:

  • Certidão de nascimento,
  • Certidão de casamento (se aplicável),
  • Certificado de divórcio (se aplicável),
  • Certificado de naturalização (se aplicável),
  • Passaporte válido,
  • Comprovante de residência,
  • Certificado de antecedentes criminais,
  • Certificado médico,
  • Prova de conhecimento da língua italiana,
  • Prova de meios de subsistência.

É importante notar que os requisitos e os documentos necessários podem variar dependendo da situação específica de cada pessoa e do local onde a solicitação é feita. 

É recomendável obter orientação de um advogado especialista em imigração ou de uma autoridade italiana antes de iniciar o processo de solicitação de cidadania. 

Além disso, é importante lembrar que, mesmo que se tenha os documentos necessários, isso não garante que a cidadania será concedida, pois é necessário que sejam cumpridos todos os requisitos legais da legislação italiana.

Passos para iniciar o processo de cidadania direta na Itália

Como apontamos anteriormente, pedir cidadania direto na Itália é um processo que envolve várias etapas. Sendo assim, você deve estar preparado e ciente dos seguintes aspectos, entre eles destacamos:

  1. viajar para a Itália, 
  2. obter um número de identificação fiscal e declarar sua presença no país, estabelecer residência,
  3. procurar a prefeitura,
  4. passar por verificações de segurança, 
  5. fazer o pedido de cidadania, 
  6. obter autorização de residência enquanto aguarda o resultado, e finalmente, receber a cidadania e solicitar um passaporte. 

É importante seguir todas as etapas corretamente para garantir o sucesso do processo.

Requisitos de residência para cidadania direta na Itália

Nesse tópico vamos fugir um pouco de nosso tema central para melhor esclarecer você. 

Bom, os requisitos de residência para a cidadania direta na Itália variam de acordo com o caminho escolhido para solicitar a cidadania. 

No entanto, é importante notar que estabelecer residência na Itália é um dos passos fundamentais para obter a cidadania italiana.

Para aqueles que solicitam cidadania por descendência, a Circolare n. 32 de 13 de junho de 2007 permite que os cidadãos estrangeiros viajem para a Itália como turistas e formalmente estabeleçam residência em uma cidade de sua escolha com o objetivo de solicitar a cidadania italiana por descendência. 

Cidadãos estrangeiros de países fora da UE precisam obter uma autorização de residência temporária ou permanente para se mudar para a Itália, enquanto cidadãos da UE não precisam desse visto. 

O período mínimo de residência para os cidadãos não comunitários é de 10 anos, enquanto para os cidadãos da UE é de 4 anos.

Para aqueles que solicitam cidadania por casamento com um cidadão italiano, é necessário ter um vínculo matrimonial e estar legalmente residente na Itália por pelo menos 2 anos. 

Além disso, é necessário apresentar provas de que o casamento é legítimo e que você e seu cônjuge compartilham uma vida comum.

Para aqueles que solicitam cidadania por trabalho, é necessário ter um vínculo de trabalho na Itália e estar legalmente residente no país por pelo menos 4 anos.

Em geral, é importante notar que é necessário cumprir todos os requisitos legais de residência e fornecer provas de que você está residindo legalmente na Itália para poder solicitar a cidadania italiana. 

Nesse sentido, é essencial consultar as autoridades locais e os advogados especializados para obter orientação precisa e atualizada sobre os requisitos de residência para a cidadania italiana.

Importante: em determinado momento é feita uma verificação policial para garantir a veracidade da sua residência, a polícia local realizará uma visita para confirmar que você reside no endereço declarado. 

De acordo com a lei, eles têm até 45 dias para realizar essa verificação. Na maioria das vezes, ela é rápida e dura cerca de 5 minutos.

Custos associados à cidadania direta na Itália

Obter a cidadania direto na Itália tem alguns custos associados. O primeiro é a taxa de solicitação, que é de cerca de  €300,00. 

Além disso, é necessário ter um rendimento anual comprovado de €8.264,00 para ser elegível. No mais, é preciso levar em conta os custos com a viagem, aluguel de residência, gastos jurídicos e com outros documentos necessários para o processo.

Tempo necessário para concluir o processo de cidadania direta na Itália

Em suma, se você deseja evitar longas esperas para marcar uma consulta com um consulado italiano, ou deseja acelerar o processo de solicitação, uma opção é apresentar seu pedido através de um município na Itália. 

A cidadania direto na Itália, geralmente, é mais rápida do que enviar o pedido através de um consulado. 

Para se inscrever na Itália, é necessário estabelecer residência legal no país. 

Você pode escolher um município italiano específico e, recapitulando, é preciso apresentar provas de residência legal, como um contrato de aluguel ou escritura de propriedade, sem esquecer que a polícia local verificará se você está residindo na propriedade em questão dentro de 45 dias após sua inscrição. 

Depois disso, você pode preencher um requerimento através da prefeitura e fornecer todos os seus registros vitais.

Observação: um indivíduo de origem estrangeira que tenha ascendentes italianos e que não tenham perdido a cidadania italiana pode solicitar um passaporte italiano desde que seja capaz de comprovar a ligação com os cidadãos italianos. 

No caso de cidadãos estrangeiros com descendentes que já perderam a cidadania italiana, é necessário que residam na Itália com uma autorização de residência por, pelo menos, três anos.

Quais os benefícios da cidadania direta na Itália

Existem alguns benefícios de tirar sua cidadania direta na Itália. Entre eles, será muito mais rápido e fácil para você ter acesso a:

1. A capacidade de trabalhar tanto na Itália quanto nos outros 27 países da União Europeia;

2. A possibilidade de estudar tanto na Itália quanto em outros países da UE;

3. Adquirir imóveis na Itália através de programas de vistos de ouro ou simplesmente obtendo a cidadania;

4. Manter a cidadania original enquanto se obtém a cidadania italiana;

5. A oportunidade de iniciar um negócio como cidadão italiano e usufruir de vários benefícios fiscais;

6. Acesso à livre circulação na Europa (UE e espaço Schengen);

7. Acesso a serviços educacionais e às redes de saúde pública na Itália.

Dicas gerais

A cidadania italiana é uma das mais desejadas do mundo, oferecendo benefícios como acesso à educação, saúde e trabalho, além de permitir a livre circulação pela União Europeia. Obtê-la diretamente na Itália, no entanto, pode ser um processo complexo, embora mais ágil.

Para tornar tudo mais fácil, é importante encontrar os melhores advogados e profissionais para ajudar com a documentação necessária

Isso pode ser feito por meio de pesquisas online, perguntando a amigos e familiares, ou procurando recomendações de organizações de imigrantes. Certifique-se de escolher um advogado experiente e bem recomendado que possa guiá-lo através do processo.

Outra dica importante é se certificar de ter toda a documentação necessária antes de iniciar o processo. Isso inclui documentos como certidões de nascimento, casamento e divórcio, além de prova de residência e trabalho na Itália. É importante verificar se todos os documentos estão atualizados e traduzidos corretamente.

Obtendo Cidadania Direta na Itália

Pedir a cidadania direto na Itália pode ser uma decisão importante, e há vários benefícios a serem considerados. Um dos principais benefícios é o livre acesso à União Europeia, permitindo que você viaje livremente por toda a Europa sem restrições.

Além disso, a cidadania italiana também oferece proteção consular adicional, garantindo segurança extra durante viagens ao exterior. 

Outro benefício é a possibilidade de ampliar as perspectivas de carreira, com mais facilidade para conseguir empregos e oportunidades de emprego na Europa. 

Embora solicitar a cidadania possa ser um processo não muito simples e até caro, os benefícios podem ser valiosos, e podem valer a pena o investimento.

Não perca mais tempo e aproveite as vantagens de se tornar um cidadão italiano. Saiba mais sobre como solicitar sua cidadania direto na Itália de forma rápida e segura. Faça já o seu pedido e comece a desfrutar dos benefícios de ser um cidadão italiano.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on linkedin
LinkedIn
Letícia Portela

Letícia Portela

Advogada

Deixe seu comentário

Nossas redes sociais

Você pode gostar também

Assine nossa Newsletter

Sem spam, notificações apenas sobre novos produtos, atualizações e muito mais!

Postagens relacionadas

restaurantes em roma

10 melhores restaurantes em Roma

Ah, a Itália! Um país que desperta todos os seus sentidos com suas paisagens deslumbrantes, aromas convidativos, sabores incomparáveis, texturas cativantes e sons inconfundíveis. Conhecida

Como contratar um tradutor juramentado

Um tradutor juramentado é um profissional que tem a responsabilidade de traduzir documentos oficiais para outro idioma. Esta é uma tarefa muito importante, especialmente quando